segunda-feira, fevereiro 4

Foto: Gilbert Garcin
Obs. : só para lembrar: a tela de fundo desta foto é obra do pintor italiano Bartolomeo Veneto
(1502/1531) Portrait of a woman, feito em 1520, e que já comentei aqui e que o fotógrafo genialmente usou para compor sua foto.




O amor é bom,
mas o sonho é melhor.
(Fernando Pessoa)




2 comentários:

adelaide amorim disse...

Ficou muito "real" a foto. Guardei para algum dia, vale a pena. Assim como FP sempre vale a pena.
Beijos e bom carnaval.

JG disse...

O único retrato que se conhece de Lucrécia Bórgia, tão maltratada pela história. Segundo parece e conforme os novos historiadores, Lucrécia não era uma mulher pérfida como se quer fazer crer. Teve uma relação e um amor incestouso com o irmão César, de certa forma imposto pelo pai, esse sim um déspota e depravado papa. Mas era uma mulher de bons sentimentos, que amou apaixonadamente o seu marido legítimo, mandado assassinar pelo seu irmão. Na viuvez, apesar de muito jovem, sempre foi fiel à memória do marido Afonso.

Desculpa-me o sermão, mas não resisti. Foi só porque tenho um gosto muito especial por esse retrato de Lucrécia e sempre que o vejo tenho este ímpeto de lhe fazer justiça.

Bjjj