sexta-feira, abril 24

Foto: Henri Cartier-Bresson



Perfil2

o corpo dele era um potro
o rosto e as faces tantas
quanto o peito desejasse

acordava antes do rastro e
à luz do astro mais rude
se alastrava pelo dia

Adelaide Amorim



4 comentários:

Cynthia Lopes disse...

Uma foto, vários planos.
Um perfil de vários homens, tão humanos... que crescem pelos dias.
Lindo Liz, lindo.

Marcelo Amorim disse...

Pra te avisar, prima, que tô de volta ao ofício dos blogs... quer dizer, acho que tô ;-) Volto aqui com mais calma depois.

Marcelo Amorim disse...

Pra dizer que enrei aqui pra falar com a Liz, dona do blog, e fui traído pelo último post, assinado pela minha "prima" Adelaide Amorim. Coisas da idade... Liz, o aviso da minha volta aí em cima era pra você, tá? Beijo

adelaide amorim disse...

É muuita alegria estar aqui, Liz.
Beijo beijo.