domingo, outubro 5

Sou coruja assumida, ora....







Subir até o azul,
descer até o inferno,
são coisas simples
que no fundo, eu quero
Ir, sem ir. Ficar,
passando. Passar assim,
como quem passa,
amando.
A viagem que não fiz
dói dentro de mim
assim como a raiz
de uma árvore sem fim.

Paulo Leminski

3 comentários:

Laurah disse...

olá
adicionei seu blog à minha lista de favoritos.
assim que puder, dá uma conferida e opina!
beijinhux.

Bye bye.

Márcia(clarinha) disse...

Apaixonei pelas duas e pelo "cacaco" que coisinha mais linda, môpai!!

Tem que babar mesmo.

lindo dia flor
beijos

Tina disse...

Oi Liz!

Ai que lindeza! Tem que ser coruja mesmo, com razão. Parabéns.

beijos e boa semana,