sexta-feira, setembro 28




...te quiero mucho, muchacho,

pero tengo que deletarte.
(Marilda Confortin)

Um comentário:

Lih Figueiredo disse...

Oi Liz fiquei muito feliz com sua visita tambem amo a Adê e amo poesia e seu cantinho é apaixonante.
Obrigada pela dica do treme treme do olho, já tô cuidando disso, as vezes é preciso receber um sinal de alerta do corpo pra gte se tocar que tá passando dos limites...eita...
Beijão.