segunda-feira, março 17





















Foto postada no Pixdaus


Olho de tigre,
deus me livre
que tua eu me sagre
( eu queria, tu sabe,
mas nem por milagre
nos salvaríamos da queda
e meu peito, ele quebra
por isso eu finjo:
a gente não se cabe)
Olho de tigre,
caso meu querer não migre
prefiro que meu coração sangre
a dá-lo de comer aos abutres
ou a fazer os votos de madre
prefiro
(se tua porta inda abre)
que sejamos os dois, num suspiro,
os mais felizes cabeças-de-bagre

(Múcio Góes)

Um comentário:

TV de LCD disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.